01/07/2008

"O diabo que nos Guarda" de Xavier Velasco


Jovem, bonita, cem mil dólares na mochila e uma imensa vontade de viver. Quem precisa de um anjo-da-guarda?
O Diabo que nos guarda é a história de Violetta, uma jovem de quinze anos que atravessa a fronteira do México com mais de 100 mil dólares roubados aos pais, e desembarca em Nova Iorque, onde sobrevive quatro anos rodeada de todos os luxos e gastando quilos de dinheiro malfadado. Para assegurar o seu ritmo de vida, ainda mais acelerado pelo pó branco, Violetta aprende a engatar homens nos salões dos melhores hotéis. Esta protagonista, «uma mulher inconveniente», nas palavras de Velasco, não respeita leis nem limites mas conhece as regras do jogo e sabe quando deve lançar os dados. O que ela não sabe é que um dia pode ser tarde de mais…


“Escreve que te amo e que rezo por ti, Diabo Guardião. Diz-lhes que ninguém senão tu pode escrever a minha vida, que por isso a estou a pôr nas tuas mãos, e que no fundo não me atrevo nem a duvidar de que, ainda que já não me vejas, vais continuar ali, no teu lugar, pronto para me livrar de todo o mal, ámen. Inventa o que quiseres, muda todas as coisas de que não gostes, mas isso sim: não permitas que me arrependa de nada.”

Este é o livro que ando a leer, recomendo ;)

Será que todos temos um Diabo que nos Guarda?

4 comentários:

As Chamas do Fénix disse...

Acho que o nosso melhor diabo somos nós próprios...

Uma Grande Chama para ti... beijos

*Mascote* disse...

Deve ser bonito o livro :)

Bom resto de semana, linda*

Beijinhos

liliandreia disse...

ola!deve ser bonito o livro.continuaçao de uma boa leitura
bjs

«« ڱemöґïvö »» disse...

Hm.... veremos....
Só uma pergunta: O que mais te prende ao livro??



Ray