22/10/2008

Porque as pessoas gritam quando estão aborrecidas?

Um dia um certo mestre perguntou :- Porque as pessoas gritam quando estão aborrecidas?
Os homens pensaram por alguns momentos: Porque perdemos a calma, disse um deles - por isso gritamos.
Mas, porque gritar quando a outra pessoa está ao teu lado? - perguntou o mestre - Não é possível falar-lhe em voz baixa?
Porque gritas a uma pessoa quando estás aborrecido? Os homens deram algumas respostas, mas nenhuma delas satisfazia ao mestre.

Finalmente ele explicou: Quando duas pessoas estão aborrecidas, seus corações se afastam muito.
Para cobrir esta distância precisam gritar para poder escutar-se. Quanto mais aborrecidas estejam, mais forte terão que gritar para escutar-se um ao outro através desta grande distância.

Em seguida o mestre perguntou: O que sucede quando duas pessoas seenamoram?
Elas não se gritam, mas sim se falam suavemente, porque?
Seus corações estão muito perto.A distância entre elas é pequena, o mestre continuou. Quando se enamoram acontece mais alguma coisa? Não falam, somente sussurram e ficam mais perto ainda de seu amor.Finalmente não necessitam sequer sussurrar, somente se olham e isto é tudo. Assim é quando duas pessoas que se amam estão próximas.
Então o mestre disse:

QUANDO DISCUTIREM, NÃO DEIXEM QUE SEUS CORAÇÕES SE AFASTEM, NÃO DIGAM PALAVRAS QUE OS DISTANCIEM MAIS, CHEGARÁ UM DIA EM QUE A DISTÂNCIA SERÁ TANTA QUE NÃO MAIS ENCONTRARÃO O CAMINHO DE VOLTA.

Lembrei-me desta "história" depois de ter visto uma discussão sem sentido entre pai e filha, que a minima troca de palavras acabaram logo aos gritos um com o outro, inicialmente o pai, muito mais velho ainda lhe disse, porque estas a gritar? mas ela descontrolada, continuava, acabando quase a chorrar...
PS: Este é o cenário do começo de um dia de trabalho numa empresa familiar, bonito, não é? dá vontade de pegar nas tralhas e dizer "goodbye maria ivone" que para dramas de manhã não tenho paciência....

17 comentários:

Miss Kitty disse...

Muito gira a história! ;)

*BJS*

Mariana disse...

detesto gritarias seja la pk motivo for

bj

Anya disse...

A história é linda... mas acredito que a cena real tenha sido tudo menos bonita! =S E quando levamos com esse tipo de situações por tabela... sim.. é quase certo que nos dá vontade de dizer "goodbye maria ivone LOOLOLOLOLOL" mas aí estariamos a "gritar" nós também... de outra maneira! =) Gostei deste pedacinho de ti! ^^

beijoka

Anjo De Cor disse...

Já somos duas Mariana...
Bjs**

*Mascote* disse...

Começar assim o dia não é nada bom!!!

Boa quarta para ti, amiguinha***

Bjinhx***

*Mascote* disse...

Não sei mas há pouco até me lembrei de ir ver o blog dela e vi que ela não tem lá ido, se calhar já teve :)

Se souberes alguma coisa diz, amiga***

****

mfc disse...

O controlo é das coisas mais difíceis de manter!

Mas apetece mesmo dizer "goodbye Maria Ivone"! Tens razão.

Nile e Richard disse...

Oi amiga.gostei do comentário.bjtos.Nile.

Miguel disse...

é caso para dizer que falar é fácil :P

eu pessoalmente não consigo manter calmo (A)

bom resto de semana

Salto-Alto disse...

Porra, que cena... não gosto nada de gritarias. E acho muito mais eficaz numa discussão falar clara e pausadamente, num tom normal. Mostra confiança. Mas isso é a minha opinião!

beijocas!!!!!!

Anjo De Cor disse...

é complicado muitas vezes manter a calma, mas partir pra o histérismo não sei até que ponto tb ajuda ... eu não tenho paciência, da-me logo vontade de virar as costas a situação... e esperar que tudo se acalme.
Beijinhos e obrigados a todos, o temporal já passou, tou pronta pra outro, lolllllllllll, heheheheh ;)

Rute disse...

Que cena...haja paciência, logo de manhã é dose...

beijocas

«« ڱemöґïvö »» disse...

bo a a filosofia, adorei. ^^
Nunca pensei por este lado... faz odo o sentido
Beijos

LP disse...

Que forma estranha de começar um dia... :S

Beijinhos e resto de bom fim-de-semana!

Isa disse...

Com esta história, percebi que o meu coração anda completamente afastado dos demais... :S

Anjo De Cor disse...

O Isa não digas isso, são fases... ;) Beijinho**

Nelson Alexandre Soares disse...

Lindíssima a história...


Muito se pode retirar daí...



Stay Well