18/05/2009

O indicador da Mafalda....


O António, depois de dormir numa almofada de algodão (Made in Egipt), começou o dia bem cedo, acordado pelo despertador (Made in Japan) às 7 da manhã.
Depois de um banho com sabonete (Made in France) e enquanto o café(importado da Colômbia) estava a fazer na máquina (Made in Chech Republic), barbeou-se com a máquina eléctrica (Made in China).
Vestiu uma camisa (Made in Sri Lanka), jeans de marca (Made in Singapure) e um relógio de bolso (Made in Swiss).
Depois de preparar as torradas de trigo (produced in USA) na sua torradeira (Made in Germany) e enquanto tomava o café numa chávena (Made in Spain), pegou na máquina de calcular (Made in Korea) para ver quanto é que poderia gastar nesse dia e consultou a Internet no seu computador (Made in Thailand) para ver as previsões meteorológicas.
Depois de ouvir as notícias pela rádio (Made in India), ainda bebeu um sumo de laranja (produced in Israel), entrou no carro Saab (Made in Sweden) e continuou à procura de emprego.
Ao fim de mais um dia frustrante, com muitos contactos feitos através do seu telemóvel (Made in Finland) e, após comer uma pizza (Made in Italy), o
António decidiu relaxar por uns instantes.
Calçou as suas sandálias (Made in Brazil), sentou-se num sofá (Made in Denmark),serviu-se de um copo de vinho (produced in Chile), ligou a TV Made in Indonésia) e pôs-se a pensar porque é que não conseguia encontrar um emprego em PORTUGAL...

PS: O Ministério da Economia de Espanha estima que se cada espanhol consumir 150€ de produtos nacionais, por ano, a economia cresce acima de todas as estimativas e, ainda por cima, cria não sei quantos postos de trabalho.

10 comentários:

Patrícia disse...

Nunca me tinha apercebido da quantidade de Made in se utiliza por dia. Temos de dar valor ao que é nacional mas também há aquele contra de ser mais caro, pensando até no exemplo do papel reciclado. Temos de apostar mais nos nossos produtos e tal como referiste e bem, isso ajuda significativamente a economia.

Beijinhos=)
Patrícia

Ą Mαscotezinhα disse...

Lool!!

Gostei de ler o teu post e se pensarmos bem tem lógica.

Beijinho*

mjf disse...

Olá!
Então isso em Portugal está complicado:=(
:=(

Beijocas

CG disse...

Eu tenho sempre preferência pelos produtos Portugueses. Porque ao contrário do que muitas vezes se pena e se fala, são de excelente qualidade.
Big Kisses

Princesa disse...

Em Portugal está mesmo complicado mas nós portugueses nos acumodamos sempre a tudo bom e mau é o que vale
um beijo

ZaniNE disse...

É verdade! Às vezes sem nos apercebermos, fazemos destas coisas! Temos de mudar estes preconceitos...

Beijoquinha.

Atreyu disse...

Adoro a perspicácia da Mafalda!!!

R.G. disse...

Muito bem visto...
Infelizmente todos os dias somos confrontados com mais empresas a fechar, a abrir falencia...


PS: aqui está mais uma fã da Mafalda

beijo perdido

Carla disse...

Opa, é mesmo! Lá se diz "o que é Nacional é bom" e devíamos apostar nisso. Adoro a Mafalda :P

Miminho para ti no meu cantinho***

LP disse...

Os políticos cá da zona não podem chegar a esse tipo de conclusão, uma vez que o botão "pensar" é-lhes algo inatingível!

Beijinhos e bom fim-de-semana